Quando falamos de Monteiro Lobato, a primeira lembrança que nos vem à mente certamente são os personagens do sítio do Pica Pau Amarelo eternizados na série que por muito tempo foi exibida pela Rede Globo de Televisão. Porém, a verdade é que a obra do autor extrapola “A menina do narizinho arrebitado” e inclui contos…

Ah, Machado… Um clássico sempre atual. A pergunta que fiz ao concluir a leitura foi: Como passei tanto tempo longe dessas narrativas? O livro é composto por longos contos que versam sobre amor e ciúme. Originalmente, foram publicados entre 1864 e 1884 no jornal das famílias. Neste volume, constam: Frei Simão, O segredo de Augusta,…

Pelo título do livro fica fácil deduzir que ele é composto por contos que relatam a vivência daqueles que no presente vem lutando por mais representatividade. Por não ser um romance e, portanto, não ter início, meio e fim, decidi transcrever parte do conto que revela o que foi a infância para nós, meninas negras,…

“Foi o talvez que me fez tomar a decisão. Tinha algo de definitivo naquela palavra, como uma porta sendo fechada lentamente. Fiquei olhando para o meu celular enquanto aquelas inúmeras pessoas chegando para trabalhar na cidade me rodeavam, e algo dentro de mim mudou. Eu poderia ir para casa lamentar mais uma coisa que eu…

“ (…) Coloquei o braço dele em volta de mim, enrosquei braços e pernas de modo a ficarmos bem enlaçados. Peguei sua mão (a boa) e entrelacei meus dedos, beijei o nó dos dedos quando apertaram os meus. Conhecia seu corpo de um jeito como nunca conheci o de Patrick- suas forças e fraquezas, suas…

“Um romance ágil (…), uma análise implacável de um microcosmo social em acelerado processo de decadência.” (José Saramago) As viúvas das quintas feiras é um romance dividido em 48 capítulos curtos, exceto por um ou outro mais extenso. Esse formato faz com que a história flua facilitando o nosso trabalho de apreender o cotidiano singular…

Anne, Hanna e Anny… Protagonistas do romance escrito pelo francês Eric- Emmanuel Schmitt que, nesta obra, nos mostra o sentimento de inadequação dessas mulheres aos códigos impostos pela sociedade na qual estão inseridas. Anne vive em Bruges durante a Renascença, Hanna mora na Viena imperial e Anny é nossa contemporânea. A primeira a entrar em…

O holocausto, conforme apontado por historiador israelense, possui “tantos nomes e tantas histórias que precisamos contar”. Este livro nos apresenta o cotidiano do gueto de Theresienstadt a partir dos relatos registrados nos diários das meninas que conviveram no quarto 28. Um desses diários, o diário de Helga Pollack, tem maior relevância conforme se observa no…

Nunca tinha ouvido falar sobre O diário de Lena. No entanto, ao devolver o livro que li anteriormente, A lista de Schindler, a bibliotecária me deu a feliz notícia de que os livros que abordavam aspectos da II Guerra encontravam-se dispostos no mesmo nicho. Sim, a biblioteca agora está organizada por prateleiras não convencionais chamadas…

“Não haverá rameira entre as filhas de Israel…” (Deuteronômio 23: 17) O Tema Segunda Guerra Mundial é tão extenso que quando pensamos não existir mais objetos a conhecer, equivocamo-nos. Encaixa-se nessa categoria o livro “Jovens Polacas” da historiadora brasileira Esther Largman. Em linhas gerais, o livro traz ao conhecimento do público um fato que a…